PHP

Instalação

-no Debian

Instalando o Apache
apt-get install -y apache2

Instalando o php5
apt-get install -y php5

Instalando o php5-cgi (opcional - para utilização de cgi)
apt-get install -y php5-cgi

Instalando o mysql-client (opcional - parte da instalação do mysql)
apt-get install -y mysql-client

Instalando o mysql-server (opcional - parte da instalação do mysql)
apt-get install -y mysql-server

Instalando o php5-mysql (opcional - parte da instalação do mysql, conexão com o php)
apt-get install -y php5-mysql

Instalando o phpmyadmin (opcional - gerenciador de banco de gados para o mysql)
apt-get install -y phpmyadmin


PHP

PHP - Hypertext Preprocessor
É uma linguagem de script que é executada no servidor. O PHP é uma linguagem de codigo aberto e seu download é gratuito. Com esta linguagem é possivel acessar diversos bancos de dados. É possivel rodar PHP em diversos sistemas operacionais e servidores de pagina WEB. A instalacao mais comum do PHP (http://www.php.net/downloads.php) é junto com o Apache (http://httpd.apache.org/download.cgi) e o banco de dados MySQL (http://www.mysql.com/downloads/index.html)

Descricao
Codigo
Sintaxe basica <? ?>
<?php ?>
Comentario <html>
<body>
<?
/* Esta parte nao sera processada pelo PHP,
é um comentario */
// Este é outro ex de comentario
?>
</body>
</html>
Ex: Ola mundo <html>
<body>
<?
echo "Ola mundo";
?>
</body>
</html>
Variaveis Todas as variaveis comecam com $
e sao utilizadas para armazenar string, inteiros e arrays
$nome_variavel = valor;
Ex:
<?
$nome = "Duncan";
$idade = 4;
?>
O php define o tipo da variavel automaticamente.
Variaveis <?
$txt="Ola Mundo";
echo $txt;
?>

Sera impresso na tela
Ola Mundo
Texto concatenar <?
$texto1="Ola";
$texto2="mundo!";
echo $texto1 . " " . $texto2;
?>
Texto localizar <?
$texto strpos("Ola mundo!", "mundo");
?>
Texto tamanho <?
$texto=strlen("Ola");
?>
Texto substring substr(texto,posicao,quantidade_de_caracteres)
<?
echo substr("Ola mundo!",4,5);
?>
mundo
O PHP pega 5 caracteres apartir da posição 4.
A primeira posição é a 0.
Operador aritmetico: adicao <?
$variavel=1;
$variavel=$variavel + 1;
echo $variavel;
?>
Resultado: 2
Operador aritmetico: subtracao <?
$variavel=1;
$variavel=$variavel - 1;
echo $variavel;
?>
Resultado: 0
Operador aritmetico: multiplicacao <?
$variavel=2;
$variavel=$variavel * 2;
echo $variavel;
?>
Resultado: 4
Operador aritmetico: divisao <?
$variavel=8;
$variavel=$variavel / 2;
echo $variavel;
?>
Resultado: 4
Operador aritmetico: modulo (resto da divisao) <?
$variavel=9;
$variavel=$variavel % 2;
echo $variavel;
?>
Resultado: 1
Operador aritmetico: incrementa <?
$variavel=8;
$variavel++;
echo $variavel;
?>
Resultado: 9
Operador aritmetico: decrementa <?
$variavel=8;
$variavel--;
echo $variavel;
?>
Resultado: 7
Operador comparacao: == é igual a
5==6 retorna falso
5==5 retorna verdadeiro
Operador comparacao: >= é maior ou igual a
5>=6 retorna falso
5>=5 retorna verdadeiro
6>=5 retorna verdadeiro
Operador comparacao: <= é menor ou igual a
5<=6 retorna verdadeiro
5<=5 retorna verdadeiro
6<=5 retorna falso
Operador comparacao: > é maior que
5>6 retorna falso
5>5 retorna falso
6>5 retorna verdadeiro
Operador comparacao: < é menor que
5<6 retorna verdadeiro
5<5 retorna falso
6<5 retorna falso
Operador comparacao: <> ou != é diferente de
5<>6 retorna verdadeiro
5!=5 retorna falso
Operador logico: && E logico
(5==5) && (4==4) retorna verdadeiro
(5==5) && (4==6) retorna falso
Operador logico: || ou logico
(5==5) || (4==4) retorna verdadeiro
(5==5) || (4==6) retorna verdadeiro
Operador logico: ! nao logico
!((5==5) && (4==4)) retorna falso
(5==5) && !(4==6) retorna verdadeiro
Estrutura if Ex: 1
if (condicao)
  instrucao que sera executada se condicao for verdadeira;

Ex: 2
if (condicao)
{
  conjunto de instrucoes serao executadas se condicao for verdadeira;
}
Ex: 3
if (condicao)
  instrucao que sera executada se condicao for verdadeira;
else
  instrucao que sera executada se condicao for falsa;
Ex: 4
if (condicao)
{
   conjunto de instrucoes serao executadas se condicao for verdadeira;
}
else
{
  conjunto de instrucoes serao executadas se condicao for falsa;
}
Estrutura switch switch ($cor)
{
case "vermelho":
  Este codigo sera executado se $cor for igual a vermelho;
  break;
case "verde":
  Este codigo sera executado se $cor for igual a verde;
  break;
default:
  Este codigo sera executado se $cor for diferente de vermelho e de verde;
}
Arrays Ex 1:
$cores = array("Verde","Amarelo","Azul","Branco");
$cores[0] = "Verde";
$cores[1] = "Amarelo";
$cores[2] = "Azul";
$cores[3] = "Branco";
Ex 2:
$cores = array("Verde","Amarelo","Azul","Branco");
Ex 3:
$Vel_Max = array("Gol"=>180,"Marea"=>220,"Ferrari"=>325);
$Vel_Max["Gol"] = 180;
$Vel_Max["Marea"] = 220;
$Vel_Max["Ferrari] = 325;

Ex 4:
$cores1 = array("Verde","Amarelo","Azul","Branco","Vermelho");
echo count($cores1);
5
$cores2[0] = "Verde";
$cores2[1] = "Amarelo";
$cores2[2] = "Azul";
$cores2[3] = "Branco";
echo count($cores2);
4
Ex 5:
$Vel_Max1 = array("Gol"=>180,"Marea"=>220,"Ferrari"=>325,"Mercedes"=>235,"BMW"=>270);
//De acordo com o site www.php.net, sizeof() é um apelido para: count()
//count - Conta o número de elementos de uma variável, ou propriedades de um objeto
echo sizeof($Vel_Max1); <br/>
echo count($Vel_Max1); <br/>
echo count($Vel_Max1, COUNT_RECURSIVE);<br/>
5
5
5

$Vel_Max2["Gol"] = 180;
$Vel_Max2["Marea"] = 220;
$Vel_Max2["Ferrari"] = 325;
$Vel_Max2["Mercedes"] = 235;
echo sizeof($Vel_Max2);
echo "<br/>";
echo count($Vel_Max2);
echo "<br/>";
echo count($Vel_Max2, COUNT_RECURSIVE);
echo "<br/>";
4
4
4


Ex 6:
$comidas = array('frutas' => array('laranja', 'banana', 'maçã'),
'legumes' => array('cenoura', 'couve','ervilha'));
// contagem recursiva
echo count($comidas, COUNT_RECURSIVE);
echo "<br/>";
// contagem normal
echo count($comidas);
echo "<br/>";
8
2
Loops Ex 1:
while (condicao)
{
   codigo executado enquanto condicao for verdadeira
}
Ex 2:
<html>
<body>
<?
$contador=1;
while ($contador <= 3)
{
   echo "O valor da variavel $contador é " . $contador . "<br />";
   $contador++;
}
?>
</body>
</html>
Resultado do algoritmo acima:
O valor da variavel $contador é 1
O valor da variavel $contador é 2
O valor da variavel $contador é 3

Ex 3:
do
{
   codigo executado enquanto condicao for verdadeira
}
while (condicao)
Ex 4:
<html>
<body>
<?
$contador = 1;
do
{
   $contador++;
   echo "O valor da variavel $contador é " . $contador . "<br />";
}
while ($contador <= 3);
?>
</body>
</html>
Resultado do algoritmo acima:
O valor da variavel $contador é 2
O valor da variavel $contador é 3
O valor da variavel $contador é 4
Ex 5:
for (inicializacao; condicao; incremento)
{
   codigo que sera executado;
}
Ex 6:
<html>
<body>
<
for ($variavel = 1; $variavel <= 3; $variavel++)
{
   echo "O numero é " . $variavel . "<br />";
}
?>
</body>
</html>
Resultado do algoritmo acima:
O numero é 1
O numero é 2
O numero é 3
Ex 7:
foreach ($array as $value)
{
   codigo que sera executado;
}
Ex 8:
<html>
<body>
<?
$cor=array("verde","vermelho","azul");
foreach ($cor as $valor)
{
   echo $valor . "<br />";
}
?>
</body>
</html>
Resultado do algoritmo acima:
verde
vermelho
azul
Funcoes function funcao_exemplo()
{
   codigo que sera executado;
}
Ex 1:
<html>
<body>
<?
function Escreve_texto()
{
   echo "Texto dentro da funcao";
}
echo "O texto é (";
Escreve_texto();
echo ")";
?>
</body>
</html>
Resultado do algoritmo acima:
O texto é (Texto dentro da funcao)
Funcao com 2 parametros e retorno
Ex 2:
<html>
<body>
<?
function soma($numero1, $numero2)
{
   $soma = $numero1 + $numero2;
   return $soma;
}
echo "5 + 6 = " . soma(5, 6);
?>
</body>
</html>
Resultado do algoritmo acima:
5 + 6 = 11
Formulario get <form action="processa.php" method=get>
Nome.......: <input name="Nome" value="" size="10">
Telefone..: <input name="Fone" value="" size="10">
Senha.....: <input name="Senha" type=password size="10">
<input type="submit" value="Enviar">
</form>

Quando o usuario clica no botao enviar, a URL se transforma em processa.php?Nome=Nome_digitado&Fone=Telefone_digitado&Senha=Senha_digitada
Conteudo do arquivo processa.php
<html>
<body>
Nome: <? echo $_GET["Nome"]; ?>
Fone: <? echo $_GET["Fone"]; ?>
Senha: <? echo $_GET["Senha"]; ?>
</body>
</html>
As informacoes transmitidas sao visiveis e de tamanho limitado a 100 caracteres
Formulario post <form action="processa.php" method=post>
Nome.......: <input name="Nome" value="" size="10">
Telefone..: <input name="Fone" value="" size="10">
Senha.....: <input name="Senha" type=password size="10">
<input type="submit" value="Enviar">
</form>
Conteudo do arquivo processa.php
<html>
<body>
Nome: <? echo $_POST["Nome"]; ?>
Fone: <? echo $_POST["Fone"]; ?>
Senha: <? echo $_POST["Senha"]; ?>
</body>
</html>
Pode-se tambem utilizar a variavel $REQUEST[] para receber as variaveis
As informacoes transmitidas sao invisiveis e de tamanho ilimitado, configuraveis na variavel post_max_size no arquivo php.ini, o default é 8Mb.
Formulario envia arquivo Conteudo do arquivo contendo o formulário formulario_upload.html
<html> <body> <form action="arquivo_upload.php" method="post"
enctype="multipart/form-data">
<label for="file">Nome do arquivo:</label>
<input type="file" name="file" id="file" />
<br />
<input type="submit" name="submit" value="Enviar arquivo" />
</form>

</body>
</html>

Conteudo do arquivo arquivo_upload.php
<?php
/* Inicio das restricoes Restricoes */
if ((($_FILES["file"]["type"] == "image/gif") || ($_FILES["file"]["type"] == "image/jpeg") ||
($_FILES["file"]["type"] == "image/pjpeg")) && ($_FILES["file"]["size"] < 20000))
/* Final das restricoes Restricoes */
{
if ($_FILES["file"]["error"] > 0)
{
echo "Código do erro: " . $_FILES["file"]["error"] . "<br />";
}
else
{
echo "Arquivo: " . $_FILES["file"]["name"] . "<br />";
echo "Tipo: " . $_FILES["file"]["type"] . "<br />";
echo "Tamanho: " . round($_FILES["file"]["size"] / 1024,1) . " Kb<br />";
echo "Arquivo temporário: " . $_FILES["file"]["tmp_name"] . "<br />";

if (file_exists("./" . $_FILES["file"]["name"]))
{
echo $_FILES["file"]["name"] . " já existe. ";
}
else
{
move_uploaded_file($_FILES["file"]["tmp_name"],
"./" . $_FILES["file"]["name"]);
echo "Armazenado em:" . "./" . $_FILES["file"]["name"];
}
}
}
else
{
echo "Arquivo inválido";
}
?>
date() <?
echo date("d/m/Y") . "<br />";
echo date("d.m.Y") . "<br />";
echo date("d-m-Y");
?>
Resultado do algoritmo acima:
28/05/2017
28.05.2017
28-05-2017
timestamp = mktime(hour,minute,second,month,day,year,is_dst)
date(formato, timestamp => horario opcional);
A funcao date com o parametro timetamp em branco retorna o horario atual e,
com timestamp retorna o horario do timestamp.
<?
$mesquevem = mktime(0,0,0,date("m")+1,date("d"),date("Y"));
echo "Daqui um mes: " . date("d/m/Y", $mesquevem);
?>
Resultado do algoritmo acima:
Daqui um mes: 28/06/2017
include e require <html>
<body>
<?
include("ola_mundo.php");
?>
</body>
</html>

Arquivo ola_mundo.php
echo "Ola mundo";

Resultado
<html>
<body>
<?
echo "Ola mundo";
?>
</body>
</html>

Que mostrara:
Ola mundo
Abrindo um arquivo
fopen("nome do arquivo","modo de abertura")kk
Modo de aberturaDescricao
rApenas leitura, comecando no inicio do arquivo
r+Leitura/escrita, comecando no inicio do arquivo
wApenas escrita, abre e apaga o conteudo do arquivo, ou cria um novo caso nao exista
w+Leitura/escrita, abre e apaga o conteudo do arquivo, ou cria um novo caso nao exista
aAnexa. Abre e grava no final do arquivo, ou cria um novo caso nao exista
a+Le/anexa, preserva o conteudo escrevendo no final do arquivo
xApenas escrita, cria um novo arquivo, retorna falso e um erro, caso o arquivo ja exista
x+Leitura/escrita, cria um novo arquivo, retorna falso e um erro, caso o arquivo ja exista

<?
/* Abre um arquivo*/
$file = fopen("texto.txt","r");

/* Fecha um arquivo*/
fclose($file);
?>

/*Verifica se chegou no fim do arquivo*/
if (feof($file)) echo "Fim do arquivo";
<?
$file = fopen("texto.txt", "r") or exit("Incapaz de abrir o arquivo");
//Exibe linha/linha de um arquivo ate chegar ao final do arquivo
while(!feof($file))
{
   echo fgets($file). "<br />";
}
fclose($file);
?>

<?
$file=fopen("texto.txt","r") or exit("Incapaz de abrir o arquivo");
//Exibe caracter/caracter de um arquivo ate chegar ao final do arquivo
while (!feof($file))
{
   echo fgetc($file);
}
fclose($file);
?>
<?php
//Grava no arquivo data.txt o nome "Willer Gomes Junior"
$file = fopen('data.txt', 'w');
fwrite($file, 'Willer ');
fwrite($file, 'Gomes ');
fwrite($file, 'Junior');
fclose($file);
?>
Email <?
$para = "para_alguem@exemplo.com.br";
$titulo = "Testando envio de email";
$mensagem = "Ola, esta é uma mensagem de email";
$de = "de_alguem@exemplo.com.br";
$cabecalho = "From: $de";
mail($para, $titulo, $message, $cabecalho);
echo "O email foi enviado";
?>
<?
$para = "para_alguem@exemplo.com.br, para_outro_alguem@exemplo.com.br";
$titulo = "Email com codigo HTML";
$mensage = ' <html>
<head>
<title>Email com codigo HTML
</head> <body> <font face="Times New Roman" size="+3" color="#ff0000">Este email contem codigo HTML
</body>
</html>';
// Para enviar email HTML o cabecalho abaixo é necessario
$cabecalho = "MIME-Version: 1.0" . "\r\n";
$cabecalho .= "Content-type:text/html;charset=iso-8859-1" . "\r\n";
$cabecalho .= "From: $de" . "\r\n";
$cabecalho .= 'Cc: para_outro_alguem@exemplo.com.br' . "\r\n"; mail($para, $titulo, $message, $cabecalho);
?>


































Sobre


Bom proveito...
Espero que seja de alguma valia.
Por: Willer Gomes Junior